Sistemas de Incentivos do PORTUGAL 2020

Estão abertas as candidaturas, até ao dia 30 de setembro, para os Sistemas de Incentivos do PORTUGAL 2020 para a "Inovação Produtiva" e também para o "Empreendorismo Qualificado e Criativo". Aproveite esta oportunidade para estimular o crescimento e a competitividade da sua empresa.

Objetivos e Prioridades

INOVAÇÃO PRODUTIVA

Aumentar o investimento empresarial das grandes empresas em atividades inovadoras (produto ou processo); Reforçar a capacitação empresarial das PME para o desenvolvimento de bens e serviços; Aumentar as capacidades de gestão das empresas e da qualificação específica dos ativos.

EMPREENDORISMOQUALIFICADO E CRIATIVO

Promover o espírito empresarial, facilitando nomeadamente o apoio à exploração económica de novas ideias e incentivando a criação de novas empresas, Aumentar as capacidades de gestão das empresas e da qualificação específica dos ativos.

Tipologia das Operações

INOVAÇÃO PRODUTIVA

  • A criação de um novo estabelecimento;
  • O aumento da capacidade de um estabelecimento já existente;
  • A diversificação da produção de um estabelecimento para produtos não produzidos anteriormente no estabelecimento;
  • A alteração fundamental do processo global de produção de um estabelecimento existente.

EMPREENDORISMO QUALIFICADO E CRIATIVO

Criação de empresas que desenvolvam atividades em setores com fortes dinâmicas de crescimento, incluindo as integradas em indústrias criativas e culturais, e/ ou setores com maior intensidade de tecnologia e conhecimento, e empresas que valorizem a aplicação de resultados de I&D na produção de novos bens e serviços.

Beneficiários

INOVAÇÃO PRODUTIVA

  • Empresas (PME e grandes empresas) de qualquer natureza e sob qualquer forma jurídica;
  • Devem apresentar um mínimo de despesa elegível de 75 mil euros.

EMPREENDORISMO QUALIFICADO E CRIATIVO

  • PME de qualquer natureza e sob qualquer forma jurídica, criadas há menos de dois anos;
  • Devem apresentar um mínimo de despesa elegível de 50 mil euros.

Financiamento

Os incentivos a conceder no âmbito deste Aviso são calculados através da aplicação de uma taxa base máxima de 35%, a qual pode ser acrescida de majorações, não podendo a taxa global ultrapassar 75%.

O incentivo a conceder a ações de formação parte de uma taxa base de 50% à qual podem ser acrescidas majorações, não podendo, a taxa global ultrapassar os 70%.

Na região de Lisboa os incentivos são calculados através da aplicação de uma taxa máxima de 40%, sendo a taxa máxima para despesas com formação de 50%

Com exceção da formação profissional, os apoios a conceder revestem a forma de incentivo reembolsável, podendo ser concedida uma isenção de reembolso até ao limite de 50%, em função do grau de superação das metas que o candidato estabeleça.

Despesas Elegíveis

  • Aquisição de máquinas e equipamentos;
  • Aquisição de equipamentos informáticos e Software;
  • Transferência de tecnologia através da aquisição de direitos de patentes, nacionais e internacionais;
  • Licenças, know-how ou conhecimentos técnicos não protegidos por patente;
  • Serviços de engenharia, estudos e diagnósticos;
  • Formação;
  • Construção e remodelação de edifícios (em projetos dos setores do turismo e indústria).

Serviços Trigénius elegíveis

Equipamentos
Informáticos
Software
de Gestão
Desenvolvimento
à medida

A TRIGÉNIUS está acreditada como entidade fornecedora de serviços para o Sistema de Incentivos Portugal 2020